-Publicidade -spot_img

Investimentos e projetos do Governo Federal no DF superam R$ 48 bi em 2023.

Data:

Recursos estão conectados ao Novo PAC, Bolsa Família, Mais Médicos, Brasil Sorridente, merenda escolar, Bolsa Atleta e Lei Paulo Gustavo. Confira um resumo.

Infraestrutura, habitação, saúde, educação, cultura, esporte, assistência social e agropecuária. Os investimentos e projeções de aportes no Distrito Federal já definidos pelo Governo Federal superam os R$ 48 bilhões.

São recursos projetados para obras do novo Programa de Aceleração do Crescimento (Novo PAC), aplicados no Bolsa Família, na qualidade da merenda escolar, no reforço ao Mais Médicos, na retomada e ampliação do Brasil Sorridente, em repasses para a atenção primária à saúde e hospitais filantrópicos, além de transferências voltadas para a cultura, segurança pública e ao patrocínio de atletas nascidos na capital federal.

Mapa de Investimentos
Os aportes do Governo Federal em todos os estados podem ser conferidos no Mapa de Investimentos. A página é periodicamente atualizada para refletir os dados mais recentes.

Confira um resumo dos investimentos no Distrito Federal:

INFRAESTRUTURA
Novo PAC: serão investidos R$ 47,8 bilhões em obras e serviços no Distrito Federal, com destaque para:
▣ Expansão do Metrô de Ceilândia

▣ BRT Norte – Plano Piloto a Planaltina

▣ Adequação da BR-080

▣ Moradias do Programa Minha Casa, Minha Vida.

SAÚDE
Mais Médicos: Entre janeiro e julho de 2023, foram alocados mais 48 médicos no DF, chegando a 117 em atividade. Até o fim de 2023, haverá um adicional de 81, chegando a 198 profissionais que podem atender até 683,1 mil pessoas.
Atenção Primária à Saúde: no primeiro semestre, 16 equipes começaram a atuar, chegando a 613 equipes de saúde da família no DF.
Brasil Sorridente: no primeiro semestre, 59 novas equipes começaram a atuar, chegando a 217 equipes no Distrito Federal.
Hospitais Filantrópicos: no primeiro semestre, R$ 4,8 milhões foram liberados para o DF, em apoio a 5 entidades filantrópicas de saúde.

SEGURANÇA PÚBLICA

  • Em 2023, foi sancionada a Lei nº 14.625/2023, que assegura reajuste salarial de 18% às forças de segurança do DF, a ser pago em duas parcelas.
CULTURA

  • Até julho, foram repassados R$ 48,1 milhões para apoio a projetos culturais no DF, por meio da Lei Paulo Gustavo.
MERENDA ESCOLAR

  • Um repasse de R$ 36,2 milhões até o fim de julho ajudou a melhorar a qualidade da merenda escolar para 485,3 mil alunos em 757 escolas pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar.

ESPORTES
O programa de patrocínio direto a esportistas chega a 249 atletas nascidos no DF, com apoio de R$ 4,5 milhões. São 185 em modalidades olímpicas e 64 em paralímpicas. Treze desses atletas são integrantes da categoria Pódio, a principal do programa, com repasses mensais que variam de R$ 5 mil a R$ 15 mil.

BOLSA FAMÍLIA
O Distrito Federal tem 169 mil beneficiários do Bolsa Família recebendo, em agosto, o valor médio de R$ 694,75. As famílias serão contempladas a partir de um investimento de mais de R$ 117,4 milhões do Governo Federal.


AUXÍLIO GÁS

  • No Distrito Federal, são 47,5 mil famílias e um repasse de R$ 5,1 milhões.
PLANO SAFRA

  • Desde janeiro de 2023, 22 operações de crédito foram realizadas, num valor total de R$ 886,4 mil.
EMPREGO

  • No primeiro semestre, havia 896,7 mil empregos formais registrados no DF, um acréscimo de 21,3 mil postos de trabalho em relação ao mesmo período de 2022.

Secretaria de Comunicação da Presidência da República – SECOM