-Publicidade -spot_img

Calor pode ser recorde hoje em Brasília, Goiânia e em São Paulo

Data:

A tarde desta quinta-feira, 26 de agosto, poderá ser a mais quente deste ano em Brasília, Goiânia e em São Paulo. Em Goiânia e em Brasília, a chance de recorde de calor continua amanhã, mas em São Paulo, a sexta-feira já será com acentuada queda da temperatura por causa de uma frente fria que está chegando na capital paulista.

Pela medição do INMET – Instituto Nacional de Meteorologia – a maior temperatura em São Paulo em 2021 foi de 34,1°C, em 30 de janeiro. Se a previsão se confirmar, a tarde de hoje poderá ser não apenas a mais quente deste ano, mas a mais quente também para um dia de agosto desde 1943. Até o momento, segundo o INMET,  a maior  temperatura em agosto em São Paulo foi de 33,1°C em agosto de 1952 e de 1955.

Em Brasília, a temperatura mais alta em 2021 até agora foi de 30,9°C, em 31 de janeiro. A capital federal  vive a longa estiagem do outono/inverno, como ocorre todos os anos. Segundo o INMET,  até o dia 25 de agosto, Brasília contabilizava 69 dias consecutivos sem registrar chuva. A última vez que choveu 10 mm ou mais foi entre os dias 14 e 15 de junho choveu 27,4mm.

Goiânia, capital de Goiás, está há 137 dias seguidos sem chuva significativa, contados até 25 de agosto. A última vez que choveu foi entre 7 e 8 de abril, com acumulado de 21mm.

O recorde de calor para este ano poderá ser batido na tarde desta quinta-feira, pelo segundo dia consecutivo. A maior temperatura registrada em Goiânia este ano foi de 36,4°C, no dia 25 de agosto

A tarde de 25 de agosto foi a mais quente do ano em Cuiabá, com a temperatura máxima de 41,0°C, igualando a marca do dia 24 de agosto.

Fonte: Climatempo